quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Camarilla ou Sabá ?






Bom dia,boa tarde e boa noite meu povo.Que tal falarmos de um tema bem polêmico hoje? Vou falar pra vocês um pouco sobre as diferenças de cenários que tem como foco principal a Camarilla ou o Sabá.
Eu sei muito bem que cada um tem suas preferências,inclusive eu,porém vejo diversão nas duas formas de jogo. 

Primeiramente queria citar um trecho do Guia da Camarilla: Para entender a Camarilla,é preciso entender primeiro,de forma profunda e permanente,o que ela não é. A Camarilla definitivamente não é o grupo dos vampiros bonzinhos.


Esse é um pequeno trecho do livro do Sabá que mostra um poco de suas ideologias.


Mas vamos começar falar das diferenças: 

Qual seita é melhor eu começar? 
Primeiramente para responder essa pergunta,você deve se perguntar qual o clima você deseja que seu jogo tenha.Talvez você seja aquele mestre que prefere focar em um jogo mais livre(Sabà),ou um jogo que você tenha mais controle do seu quintal(Camarilla).Tudo depende do que você busca no seu jogo,mas essa escolha faz sim muita diferença,pois além de mudar muito a pegada que o jogo tem,faz com que os jogadores comecem a criar seus objetivos próprios envolvendo essa parte da história.

Pra qual é mais fácil criar histórias?
Sinceramente eu não vejo uma mais difícil que a outra,eu vejo estilos diferentes de jogo,com a Camarilla eu vejo mais possibilidades de trabalhar com ascensão e queda de poder e status,enquanto eu vejo o Sabà com mais possibilidades da busca por ideais(que tem vários dentro dessa mesma seita),por isso o jogo se torna mais livre,enquanto muitos preferem partir para o lado físico,alguns se mantém em seus lados sociais.

Qual a principal vantagem de cada um?  
Essa vou separar em duas partes,para o mestre e para o jogador.

Mestre:
Camarilla: Organização e controle dos jogadores.
Sabá: Liberdade de criação dentro das varias ramificações dentro da seita.

Jogadores:
Camarilla: Crescimento mais fácil de patente dentro da seita.
Sabá: Não precisar ficar tão amarrado as regras e poder ter mais escolhas pessoais.


Qual tem uma jogabilidade melhor?
Essa é uma pergunta difícil,mas vou tomar partido nessa.Na minha humilde opinião o jogo funciona melhor com um cenário focado na Camarilla,por algumas razões simples,eu acho que algumas regras dessa seita funcionam melhor,principalmente a de ter esse foco tão grande em defender a mascara,além de dar um gosto mais realista pro jogo,torna mais controlado e evita algumas ações de matanças desnecessárias.Enquanto a maior liberdade que os players do Sabá tem,gera algumas coisas pro jogo que poderiam ser evitadas para o jogo fluir melhor,





No Sabá eu não consigo subir de patente?
Claro que consegue,porém é mais difícil que a Camarilla,pois no Sabá você provavelmente terá que matar seu superior ser morto para conseguir subir de posto,não tem muito esse lance de você faz muito pela seita então merece mais,la seria,se você é mais forte,pegue o posto que você acha que merece,por isso é até comum que você desafie a pessoa para uma luta que vale o cargo,e como conhecemos o temperamento dos membros da seita,vocês acham que eles correriam?

Qual é mais divertido de interpretar?
Essa é de cada um,mas vou citar experiências que eu tive.Quando joguei no Sabá notei que as coisas se resolvem mais fisicamente do que socialmente,o que é o contrario da Camarilla onde as vezes aliados valem mais que pontos na ficha. Então cabe a vocês escolher o que preferem,mas é claro que escolhendo um,você não está abrindo mão de outro.

Algum é mais fácil ficar mais forte do que o outro?
Em relação a conhecimento,talvez a Camarilla tenha em posse um pouco mais,porém nas duas seitas tem membros muito forte que podem ajudar com conhecimento e poder,então eu não vejo uma com facilidade sobre a outra,acho que cabe aos jogadores procurarem a fonte certa e antes de procurar,saber o que procurar e isso é estudo do jogador sobre seu personagem e seita.

Eu posso mudar de seita durante o jogo?
Pode sim,só que não é fácil mostrar confiança para um grupo depois de ter sido fiel ao inimigo,mas tudo é possível,cada caso é um caso, e o mais importante é que funcione pra vocês,e essa mudança de seita pode se tornar um enredo bacana pra história.

E se eu quiser ser independente?
È simples...Seja kkkkk. Só que lembrem-se,mesmo sendo independente você tem que respeitar as leis dos comandantes da cidade onde o seu personagem morar,cuidado para não desrespeitar o líder em seu território.Eu acho bem bacana também porque pode usar os players em contato com ambas as seitas e isso pode ser bem maneiro.


Se você gostou dessa matéria e quiser saber a história e curiosidades sobre essas duas Seitas você pode ouvir nosso podcast:

                                      

                                                                                                                               



        









Como sempre,espero que tenham gostado e que tenha sido pelo menos um pouco útil para vocês,foi um prazer estar com vocês mais uma vez e muito obrigado se você leu até aqui.



Niik~


Nenhum comentário:

Postar um comentário